ORIGEM: Riven

Por: bananaband1t

De magos de areia a pernas afiadas, todos os 136 Campeões do League tiveram que começar em algum lugar. Esta é a história da Riven.


Uma guerreira noxiana

Hoje em dia, novos Campeões são lançados a cada dois meses — foram seis novos desafiantes em 2016— mas em 2011 era outra história. Naquela época, novos Campeões chegavam a League em (quase) toda Atualização. Nosso objetivo era expandir o jogo adicionando freneticamente novos Campeões, e todo o processo de desenvolvimento geralmente levava seis semanas, desde o conceito até o lançamento.

Muitos dos Campeões desenvolvidos naquele ano tinham o objetivo de preencher subclasses que estavam faltando em cada região de Runeterra: Como seria um tanque das Águas de Sentina ou um mago de Ionia? “Nós queríamos mostrar como as facções expressavam certos estilos de jogo”, diz o designer de jogo sênior Kuo-Yen “Xypherous” Lo, “sem deixar as regiões muito unidimensionais”.

Muitos dos primeiros personagens demacianos caíram nessa cadeia de produção em massa e estava começando a parecer que a região estava cheia de cidadãos moralmente impecáveis (e tudo bem, desde que nem todos fossem assim). Para tentar mostrar que nem todos os demacianos são bobinhos e obedientes, os desenvolvedores começaram a criar uma Campeã demaciana com um lado rebelde.

Nessa mesma época, Xypherous criou uma habilidade de luta corpo a corpo em três partes que gerava combos irados (hoje conhecida carinhosamente como o Q da Riven). A equipe começou a criar um guerreiro demaciano que pudesse usar essa nova habilidade, mas percebeu que já havia muitos lutadores corpo a corpo em Demacia (Garen, Jarvan, Xin Zhao). Mantendo o mesmo objetivo de quebrar a “linha de produção em massa” de uma região, eles passaram a criar uma guerreira noxiana que pudesse mostrar que nem todas as pessoas de Noxus eram totalmente malignas.

Capital de Noxus

Inspirado pela história do monge errante de Planescape Torment — cuja arma mudava de acordo com seu estado mental — Xypherous imaginou um personagem com uma espada rachada -- assim como seu espírito. No passado, Riven era uma fiel soldado do exército de Noxus, que acreditava que a única forma de medir o valor de uma pessoa era por sua força (de qualquer tipo), mas ela perdeu a fé em suas convicções durante a invasão de Ionia, quando Singed disparou bombas tanto contra noxianos quanto ionianos. Isso causou uma enorme destruição sem necessidade alguma de força nem de habilidade, porém os líderes noxianos seguiram defendendo o uso de ataques bioquímicos. “Depois disso, Riven basicamente pensou ‘F***-se!’, quebrou sua espada e partiu de Noxus na esperança de se encontrar”, diz o artista Anton “RiotManton” Kolyukh.

As duas skins de lançamento da Riven tinham o objetivo de mostrar dois possíveis resultados para sua peregrinação: A Riven Redimida encontra seu próprio caminho e se torna semi-sagrada, enquanto a Riven Elite Carmesim volta para Noxus e se torna uma comandante.


Meu espírito não está perdido

Quando RiotManton começou a rabiscar o conceito da arte de Riven, não estava claro se o personagem seria menino ou menina, então ele desenhou os dois. Eles acabaram escolhendo uma personagem feminina por duas razões principais: 1) A maioria dos Campeões já existentes com armas corpo a corpo eram do sexo masculino. 2) Muitas das Campeãs femininas de League tinham pouca roupa e eram extremamente sensuais, então esta seria uma chance de melhorar a forma como League retrata as personagens femininas. “Eu me amarrei na ideia de Riven ser mulher porque ela era super durona e estava toda vestida”, diz RiotManton.

Exploração dos conceitos masculino e feminino


“Originalmente, Riven teria a pele mais escura, pois eu a imaginava vagando sob o sol quente”, diz RiotManton, “mas depois decidimos adotar uma vibe mais Final Fantasy”.

Como Riven era um soldado, ela provavelmente já tinha usado um traje noxiano completo de armadura — mas depois de escolher uma vida em exílio, ela provavelmente não continuaria a usar isso. Mesmo assim, parecia que Riven manteria partes de sua antiga armadura como uma forma de relembrar o passado. “No final, a decisão de que peças ela usaria se resumiu ao que ficaria melhor no jogo”, diz RiotManton, “que foi a ombreira pesada e a peça da perna”.

As cores de Noxus nem sempre foram tons de vermelho e preto. Verde e roxo já foram as principais cores de Noxus (Swain, Cassiopeia, Urgot) e é por isso que tanto a armadura quanto a espada de Riven são verdes. O Summoner’s Rift original também era bastante verde, então RiotManton foi para um tom mais azul-esverdeado para fazer a personagem se destacar no jogo.

Curiosidade: Os recursos para o desenvolvimento de Campeões era bem mais limitados. Para economizar tempo, alguns desenhos das runas de Riven foram usados como base para seus efeitos visuais e alguns efeitos de suas partículas foram basicamente texturas copiadas e coladas da arte conceitual.

Alguns dos efeitos visuais de Riven no jogo foram criados a partir desta arte conceitual.


Reforjando a espada

Estudos da espada de Riven no jogo durante a ultimate.

Mesmo nos primeiros conceitos, a espada rachada de Riven era reformada durante sua ultimate. Inicialmente, suas runas brilhariam com uma cor diferente e o contorno de sua espada apareceria, e depois *TCHAM*, a espada ficaria inteira novamente. Para realmente deixar essa transformação convincente, precisaríamos de muito tempo de jogo para colocar os efeitos visuais e a animação no centro das atenções.

Quanto à mecânica de jogo em si, só havia praticamente de meio a um segundo para os efeitos acontecerem, então a dramática transformação foi cancelada. Em vez disso, Riven ganhou falas que só são reproduzidas quando a Lâmina do Exílio está ativada. Essa foi a primeira vez que esta tecnologia foi usada em League.

Com a espada de Riven restaurada, era hora de dar um jeito nas mecânicas de jogo da ult: O que ela poderia fazer durante e após a transformação? Senta que lá vem história: uma lista de ults que não vingaram, com comentários de Xypherous.

  • Definitivamente não é a Shyvana: Riven tinha uma barra de “fúria” que era carregada ao atacar; quanto mais agressiva ela ficava, mais ela podia ficar nessa forma energizada. Porque não vingou: “Era simplesmente demais. Ela já era uma Campeã agressiva.”
  • Espera, como assim?: As habilidades de Riven dão “reset” em seus ataques básicos e seus ataques básicos dão “reset” em suas habilidades. Porque não vingou: “Era simplesmente... horrível.”
  • Mulher Maravilha: Quando Riven ativava sua ult, uma explosão sônica de poder empurrava todos que estivessem em volta dela. Porque não vingou: “Era tipo, ‘Ah, todo mundo foi para longe e agora eu tenho que atacá-los corpo a corpo.””
  • LASERS: Feixes de luz eram disparados da espada de Riven sempre que ela usava uma habilidade. Porque não vingou: “Era simplesmente muito exagerado… então condensamos tudo em um só golpe.”

Ilustração de lançamento de Riven

Riven foi pensada como um personagem de jogo de luta — com vários combos diferentes e movimentos rápidos — permitindo que ela cancelasse suas animações destinadas a essa mecânica. (Além disso, ela é uma soldado noxiana altamente treinada, então é claro que ela sabe manusear muito bem uma espada.) No entanto, não esperávamos que os jogadores conseguissem cancelar as animações tanto assim. Riven só deveria cancelar as animações mais longas, como o Q e o E, mas o sistema de código usado naquela época permitia que ela cancelasse também os ataques básicos. “O mecanismo simplesmente não tinha sido pensado para o cancelamento de animações”, diz Xypherous, “mas se decidirmos mudar isso agora, também ajustaríamos seus números e incluiríamos novos combos”.

Com cancelamento de ataques básicos e tudo mais, a exilada noxiana estava pronta para lutar em Summoner’s Rift, e desde então ela vem proporcionando toda essa pancadaria noxiana -- nos teclados e nos inimigos.


ORIGEM é uma série na qual exploramos a fundo o desenvolvimento dos Campeões. Compartilhe suas opiniões e impressões sobre a série logo abaixo e diga quais são os outros Campeões que você quer ver por aqui!


4 months ago