Dev
Visões de Balanceamento, 26/02

Análise detalhada: escolha de itens

DevAutorRiotScruffy
  • Copiado para a área de transferência

Um dos nossos objetivos com as mudanças dos itens na pré-temporada era aumentar as opções e escolhas estratégicas disponíveis. Já se passou um tempinho desde que fizemos as alterações, e ficamos de olho o tempo todo para resolver os maiores problemas. Agora, chegou a hora de compartilhar com vocês uma análise de cada classe para examinar onde alcançamos nossos objetivos e no que ainda podemos melhorar.

Quando o assunto é a classe mais alta de itens, nosso objetivo é que "nenhum Campeão escolha o mesmo item Mítico em 75%+ das partidas". Esse percentual é um pouco arbitrário, mas achamos que reflete bem quando o Campeão tem escolhas viáveis em todas as partidas. Seria de se imaginar que o valor ideal para a escolha de cada item Mítico pelo Campeão seria 33%, mas achamos que isso é irreal e, de algumas maneiras, representa uma experiência pior. Ter uma escolha mais comum é algo positivo, desde que as outras opções também sejam adequadas numa quantidade suficiente de partidas. Não acreditamos que 100% dos Campeões cumprirão esse objetivo, mas queremos sempre buscá-lo conforme discutimos e melhoramos o jogo.

Ficamos bem felizes com a Atualização 11.3, já que 88% dos Campeões alcançaram essa meta e evidenciaram um aumento enorme em relação a valores passados. Na 10.22, uma atualização antes da pré-temporada, apenas 20% dos Campeões chegavam a esse ponto.

OBSERVAÇÃO SOBRE OS GRÁFICOS: Nossa ferramenta de coleta de dados usa apenas doze cores, então foi necessário recolorir as repetições. Apenas os itens com taxas de escolhas identificadas (5%+) estão asseguradamente na cor correta. Isso é mais do que suficiente para representar por alto a diversidade dos itens Míticos, mas, caso alguém queira destrinchar os gráficos atrás de análises superdetalhadas, as barras sem identificação podem confundir um pouco.

Alguns Campeões têm taxas menores de escolhas totais de Míticos, já que não chegam a concluir um item dessa classe em todas as partidas. Isso normalmente acontece quando a pessoa opta por um ou dois itens Lendários primeiro e a partida termina antes do Mítico ser finalizado.

Atiradores

21 sucessos, 3 fracassos. Essa é uma das classes com maior número de opções. Muitos Campeões têm uma taxa de escolha considerável de 3 Míticos ou mais.

Dica: Miss Fortune de Mata-Cráquens é uma ótima opção contra equipes com Campeões mais resistentes que protegem os aliados de trás.

2_26_21_11-3-Marksmen-1.jpg

2_26_21_11-3-Marksmen-2.jpg

Assassinos de DdA

9 sucessos, 1 fracasso. O Crepúsculo de Draktharr claramente é a opção mais atrativa, mesmo não sendo o item mais poderoso em todas as situações. Ainda assim, apenas o Kha'Zix está extremamente vinculado a ele, com Nocturne, Pyke e Qiyana bem próximos.

Dica: tanto a Garra do Espreitador quanto o Eclipse são ótimas opções para a maioria desses Campeões, especialmente nas situações certas.

2_26_21_11-3-AD-Assassin_v2.jpg

Assassinos e Lutadores de PdH

14 sucessos, 4 fracassos. Para a maioria dos assassinos de PdH, existe um bom equilíbrio entre o Explocinturão Hextec e o Colhedor Noturno, e os poucos que conseguem escolher itens de mago contam com ainda mais opções.

O Criafendas preenche um nicho muito forte para lutadores e quem causa dano de sustentação, mas a versatilidade do item também permite que ele providencie uma itemização incomum para vários outros Campeões.

Dica: Ekko de Colhedor Noturno é tão bom quanto (e muita vezes melhor que) o Ekko de Explocinturão Hextec. Aproveitando o tópico, o Explocinturão também é ótimo para a Diana caçadora.

2_26_21_11-3-AP-Assassins.jpg

Magos

27 sucessos, 6 fracassos. Essa é a classe que achamos estar mais longe do nosso objetivo. Mesmo que apenas seis Campeões estejam extremamente vinculados aos seus itens preferidos, vários outros chegam muito perto. Isso acontece principalmente por dois motivos:

  1. Glacieterno não é muito atrativo nem está no mesmo nível de poder, então quase nunca é usado. Os fortalecimentos da 11.4 devem amenizar essa situação, e então reavaliaremos se o item precisa de mais alterações.
  2. Angústia de Liandry/Tormenta de Luden têm os efeitos mais "dependentes de kit" entre os Míticos, o que faz certos Campeões os escolherem com uma frequência alta demais. Os dois itens são ótimos e muito atrativos, então vamos buscar providenciar opções que possam competir com eles em vez de mexer no que já está funcionando.

Dica: além do Glacieterno, que acabamos de fortalecer, Angústia de Liandry é uma escolha das boas para Ahri, Annie, Orianna e Vel'Koz.

2_26_21_11-3-Mage-1.jpg

2_26_21_11-3-Mage-2_v3.jpg

Lutadores

31 sucessos, 5 fracassos. Quando o assunto são escolhas estratégicas, estamos contentes com os Míticos para lutadores. Vários itens com motivos e situações claras para serem escolhidos compõem a dinâmica "escolha certa na partida certa" que buscamos.

Alguns Colossos, como Garen e Darius, dependem um pouquinho demais do Quebrapassos, então provavelmente vamos trabalhar nesse problema futuramente.

Dica: Quebrapassos é uma boa escolha para Aatrox e Fiora. Isso faz muito sentido, já que o posicionamento é um elemento importante para os dois.

2_26_21_11-3-Fighter-1.jpg

2_26_21_11-3-Fighter-2.jpg

Tanques

24 sucessos, 0 fracassos. No começo da pré-temporada, tanques suporte e de coleta estavam na pior situação possível no quesito diversidade de itens. Em particular, a Capa de Fogo Solar era a opção de "dano genérico" com o passivo Mítico mais abrangente (Aceleração de Habilidade). Isso tornou o item uma escolha dominante que funcionava em todas as situações.

Agora, os tanques representam a única classe sem vínculos extremos em nenhum Campeão. Conseguimos ir de 50% do objetivo para 100% utilizando balanceamentos e pequenos reworks nos itens Míticos para tanques, dando nichos mais claros e viáveis para a classe.

Dica: ao contrário do que as pessoas pensam, a Manopla do Raio de Gelo e o Quimiotanque Turbo são boas escolhas para Sejuani, Nunu, Zac, Malphite e Amumu.

2_26_21_11-3-Tank-1.jpg

2_26_21_11-3-Tank-2_v3.jpg

Encantadores

10 sucessos, 1 fracasso. Os encantadores estão exibindo uma tendência estranha: os itens Regenerador de Pedra Lunar, Mandato Imperial, Hino Bélico de Shurelya e Medalhão dos Solari de Ferro são todos amplamente viáveis no quesito força. Apesar disso, as pessoas preferem muito mais o Regenerador de Pedra Lunar e o Mandato Imperial, mesmo quando as outras duas opções são fortes.

Dica: o Medalhão dos Solari de Ferro é viável quase sempre e brilha muito contra equipes com dano explosivo.

2_26_21_11-3-Enchanters.jpg

Lendários

Itens Lendários exigem uma abordagem diferente, mas o objetivo geral é o mesmo: cada Lendário deve oferecer uma estratégia/escolha dependendo do estado da partida.

Observamos fatores como taxa de escolha, taxa de vitória, ordem de compra e outros para determinar quais desses itens apresentam desempenho bom ou ruim. Um método bem útil que descobrimos é observar quais itens dominam a segunda opção.

Aqui estão os Lendários mais comprados e os menos comprados. Muitas mudanças recentes tinham como objetivo aumentar o leque de opções viáveis, alterando tanto itens mais fortes (Ampulheta de Zhonya) como itens mais fracos (Alvorada de Pratânia, Ímpeto Cósmico e Presa da Serpente).

2_26_21_11-3-Legendary-Most.jpg

2_26_21_11-3-Legendary-Least.jpg

Esperamos que essa análise detalhada tenha sido interessante e ajudado vocês a entender melhor nossas abordagens e objetivos envolvendo o sistema de itens. Mais uma vez, valeu por jogar o LoLzinho com a gente! Continuem se cuidando.



  • Copiado para a área de transferência